5 filmes dirigidos por mulheres para assistir na 42ª Mostra Internacional de Cinema de São Paulo

[Coluna] Assédio, da Globo, rema em direção às séries gringas, mas afunda nos clichês das novelas

Camocim: a dualidade política do interior do Brasil sob o olhar engajado de uma jovem

[Crítica] O Bosque: nova série francesa da Netflix é pouco autêntica, mas funciona

Mulheres Alteradas poderia ter sido, mas não foi

Samantha! é irônica e bem-humorada ao tratar da toxicidade do espetáculo brasileiro

[Estreia] 50 são os novos 30, comédia francesa dirigida e protagonizada por Valérie Lemercier

‘As Boas Maneiras’ é a estreia que você precisa assistir em junho